domingo, 1 de maio de 2011

Às voltas com o Morcegão



Como é que pode? Como é possível exercer tamanho poder? Por que o contrário não acontece?
Já buscou explicação em tudo. Carência, modéstia às favas, não é! Sim, porque você tá bem na foto e.... digamos... “faz as unhas” quando bem quer! Também não morre de amores. Aliás, amor nenhum. Já grudou os olhos no copo e no prato quando estão juntos para se certificar de que ele não “batiza” nada que você possa ingerir. Já jogou cartas, fez leitura de mão, regressão, mapa astral, numerologia. Nenhuma resposta.

O problema é que vai ficando bom, cada vez melhor! E você fica cada vez mais viciada! De vez em quando até sente o cheiro dele quando abre os olhos pela manhã! Às vezes, no trabalho, do nada você sente aquele arrepio que sobe pelas pernas e vai parar na nuca! Chega até a procurá-lo porque a sensação é que o maldito acabou de passar por você e ainda fez questão de tocar seu corpo com o dele!

Ele não é de ligar. Nem de ficar mandando torpedos. Também não namora. Não quer saber de rótulos. Ele é só mais um simples mortal. É mais um que não é rico, não se parece com nenhuma estrela de Hollywood, não tem um nível de inteligência que fuja do padrão da sua espécie, não é super dotado, não tem super poderes, nada.

É aí que você se engana! Presta atenção! Deve haver alguma coisa. Um ombro amigo quando você precisa desabafar? Já serve. Presta atenção quando você fala e ainda te aconselha? Bom também. Mas, isso as meninas fazem até melhor. É eu sei, ele é homem. Ok eu dou o crédito a ele. Observe-o mais de perto. Fique atenta aos detalhes que pareçam mais insignificantes! Agora, olha o todo: o que ele faz e como o faz, cada gesto, cada movimento, o que não faz. O que ele adivinha e o que descobre. O que te mostra e como te surpreende. Tudo! E você faz o quê? Esbalda-se!

Eu sei, eu sei. Fica constrangida não. Sei bem como é. Aquela pegada te deixa fora do rumo, não é? E aquele beijo? As perninhas ficam bambas! Fica toda torta de cima até embaixo! Se beijar e te largar você não sabe nem que rumo tomar e precisa do GPS para chegar até a cama! Oh coisa boa, meu pai!

Estamos em pé de igualdade agora que descobrimos o seu segredo! Que é justamente não ter segredos, não ter vergonha, não ter regras, não ter agenda, não ter amarras!

Homenagem a “você” e a todos os amigos Batman que estão aí para o que der e vier! Afinal, “that´s what friends are for”!
Em tempo: não deixei de acreditar no romance. Mas..... temos que dar ao morcegão o seu devido crédito!

6 comentários:

  1. Hummm!!! Eu querooooo!! hehehe

    ResponderExcluir
  2. Quer não é, danadinha! E quem não quer??!! hehe

    ResponderExcluir
  3. Prefiro romance mesmo, daqueles beeemmmmmm românticos. :-)
    beijos querida

    ResponderExcluir
  4. Ma não pode ser os dois, Ursula?? :(

    Buaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    bjs

    ResponderExcluir
  5. Adelia,
    Poder a qq um ou qq coisa eh a gente que da, muie rss
    Agora aqui, se vc ta feliz o que importa a situacao? Com tanto que vc nao se machuque ta tudo otimo.
    No mais, aproveita mesmo e da bastante morcegada por ai
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    bjao

    ResponderExcluir
  6. Sábias palavras, Taci! E no mais....... OBAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
    as morcegadas estão liberadas! U-Huuuuuuu!

    Bora enviar um bat-sinal! kkkkkkkkkkkkkk

    Beijos querida!!!

    ResponderExcluir